Convênio com hospital municipal de Cubatão beneficiará servidores públicos | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política
O prefeito Ademário de Oliveira participou da solenidade e assinou como testemunha do convênio
O prefeito Ademário de Oliveira participou da solenidade e assinou como testemunha do convênio Foto: PMC

Convênio com hospital municipal de Cubatão beneficiará servidores públicos

A instituição passa a atender cerca de nove mil pessoas com 27 especialidades, além de outros serviços, como centro obstétrico e internação materno-infantil


05 de abril de 2018 às 11:41
Por Da Redação

Servidores municipais de Cubatão, aposentados e dependentes, passarão a ser atendidos também no Hospital Municipal Dr. Luiz Camargo da Fonseca e Silva, graças ao convênio firmado entre a Caixa de Previdência dos Servidores Municipais de Cubatão e a Fundação São Francisco Xavier, administradora do estabelecimento. A assinatura ocorreu na manhã de quarta-feira, 4, no auditório da unidade, pelo diretor-geral do hospital, Abner Moreira, e pelo diretor-presidente da Caixa de Previdência, Aparecido Amaral. 

Cerca de nove mil pessoas terão acesso aos serviços do hospital, entre eles: centro obstétrico; maternidade; 50 leitos exclusivos para convênio; internação materno-infantil e adulto; centro cirúrgico com cinco salas; terapia intensiva; bem como 27 especialidades médicas; e ao Centro de Diagnóstico por Imagem, que oferece exames com equipamentos de alta tecnologia (tomografia, ultrassonografia, mamografia e raios-X).

O prefeito Ademário de Oliveira e o presidente da Câmara Municipal, vereador Rodrigo Ramos Soares (Alemão), participaram da solenidade como testemunhas. Ao discursar, o prefeito destacou a grande vitória que foi a reabertura do hospital, ocorrida há pouco mais de 100 dias, após um período de inatividade de cerca de dois anos. "Avançamos no atendimento e, hoje, estamos contemplando os servidores públicos. Nosso hospital não deixa a desejar a nenhum outro da Baixada Santista e, em breve, seremos referência em toda a região".

O presidente da Câmara, vereador Rodrigo Alemão, lembrou que, no início da atual legislatura, diante das dificuldades no atendimento previdenciário de saúde pela Caixa, a Câmara chegou a cogitar a criação de uma previdência própria para seus funcionários. "O prefeito convenceu-me, na ocasião, de que não deveria fazer isso, pois, com a reativação do hospital, haveria o convênio com a Caixa, a custos bem menores para os cofres públicos. Na época, nos rendemos ao argumento e, hoje, vemos que o prefeito tinha razão".

Compareceram à solenidade os vereadores Laelson Batista Santos (Lalá), Márcio Silva Nascimento (Marcinho), Wilson Pio dos Reis e Ricardo de Oliveira (Queixão), além do presidente do Conselho Municipal de Saúde, Alessandro Donizete de Oliveira.


Últimas Notícias