Vereadores de Ilhabela debatem intervenção na Câmara | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política

Vereadores de Ilhabela debatem intervenção na Câmara


30 de junho de 2017 às 10:55
Por Costa Norte
Parlamentares afirmam ser favoráveis à CPI e contrários à intervenção


Na última sessão, dia 27, os vereadores ilhéus fizeram discursos inflamados na tribuna da Câmara para falar sobre a intervenção na Santa Casa de Ilhabela.  O vereador Thiago Santos, o Dr. Thiago (SD), líder do governo na casa, fez a leitura de texto do prefeito Marcio Tenório para tranquilizar funcionários e munícipes sobre a manutenção dos serviços de saúde e salários.

Os vereadores Luiz Paladino de Araújo, o Luizinho da Ilha (PSB), Anísio Oliveira (DEM), Marquinhos Guti (DEM) e Gabriel Rocha (SD) foram incisivos em afirmar que não admitirão o que chamaram de ‘politicagem’ envolvendo as entidades no município. “Temos que respeitar quem foi eleito democraticamente, mas também temos que respeitar quem está à frente das entidades durante anos. Não vou defender A e nem B, mas sim os mais de 700 funcionários e a população”, destacou Luizinho da Ilha.

Segundo Anísio, “a Santa Casa é outro gargalo; como é uma entidade democrática e direta, estavam com medo de perder a eleição e fizeram a intervenção. Então as pessoas do quanto pior melhor começaram a espalhar mentiras, especulando que não apoiaríamos a criação de uma CPI”.

O parlamentar Gabriel Rocha (SD) informou que protocolou, juntamente com os pares Cleison Ataulo Gomes (DEM) e Dr. Thiago (SD), um requerimento no qual solicita a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar supostas irregularidades na Santa Casa. “Não deu tempo de ler nesta sessão, mas será lido em agosto, para abertura de uma CPI. Com saúde não se brinca, não sabemos o dia de amanhã. Não vamos permitir, custe o que custar”, enfatizou Gabriel Rocha (SD).

Rebatendo postagens veiculadas em redes sociais, a presidente da Câmara, vereadora Nanci Zanato (PPS), garantiu que é a favor da instauração de uma CPI. “De verdade, eu esperei que os três vereadores que entraram com requerimento pedissem o destaque na leitura, porque nós vamos votar e aprová-lo”, reforçou.

O vereador Marquinho Guti (DEM) foi além e defendeu outras CPIs. “Desde a semana passada, já disse que meu voto é favorável à CPI da Santa Casa, assim como sou favorável à abertura de outras CPIs. Se é para ter transparência, vamos trabalhar em uma escala mais larga”. Da mesma forma, Luizinho da Ilha, Anísio Oliveira e Maria Salete Magalhães, a Salete Salvanimais (PSB), também confirmaram o voto pela Comissão Parlamentar de Inquérito. “As pessoas ficam se digladiando com uma série de fofocas e intrigas, mas temos condições, inteligência e discernimento para sentar com o Executivo e planejar a cidade. É isso que nós queremos, criar políticas públicas”, destacou a vereadora Salete.

Ilhabela

Da redação

Foto: CMI

Últimas Notícias