Aguilar Júnior economiza R$ 1,7 milhão com folha de pagamentos | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Política

Aguilar Júnior economiza R$ 1,7 milhão com folha de pagamentos


03 de fevereiro de 2017 às 10:59
Por Costa Norte
Economia nos gastos da prefeitura deve garantir a reposição salarial deste ano


O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Júnior, desde que assumiu o governo, tem solicitado a sua equipe de governo a contenção de despesas e o enxugamento da máquina. A ideia é economizar para aumentar o poder de investimento em obras, projetos sociais, bem como a valorização do servidor.

Para se ter uma noção, dos 220 cargos comissionados nomeados pelo prefeito nesta gestão, 29% são ocupados por servidores públicos de carreira, conforme explica Aguilar: “Nosso compromisso é valorizar o servidor. Conseguimos economizar somente no primeiro mês, com folha de pagamento, quase R$ 1,7 milhão. Essa economia é importante para garantir, inclusive, a reposição salarial da categoria”.

Ele ressaltou ainda que uma das suas grandes preocupações é a dívida do Caraguá Prev. O último cálculo atuarial aponta uma dívida de R$ 164 milhões. “Temos que devolver esse dinheiro, pois é do servidor. Ali está a garantia de aposentadoria de milhares de funcionários”.

Outras medidas de prestígio do funcionalismo estão em andamento. Foi solicitada pela prefeitura à Câmara a realização de duas audiências públicas para discutir ações relacionadas ao servidor público municipal, entre elas, o retorno das faltas abonadas.

A leitura da proposta, assinada pelo prefeito Aguilar Júnior, será feita na sessão da Câmara da terça-feira, 7, às 19h30. Porém, as audiências públicas serão realizadas nos dias 9 e 10 de fevereiro (quinta e sexta-feira) às 18h, na Câmara. A votação da proposta será no dia 14 de fevereiro, às 19h30, também em sessão do Legislativo.

A falta abonada é um direito do servidor que foi retirado pela antiga administração.

O servidor poderá utilizar seis faltas abonadas por ano em qualquer dia, desde que não exceda o limite de uma falta por mês. As solicitações de faltas abonadas devem ser encaminhadas pelo servidor ao seu chefe imediato com no mínimo dois dias úteis de antecedência.

Outra medida determina a criação de uma comissão, formada por servidores e representantes da prefeitura, para discutir ações e reivindicações relacionadas ao funcionalismo público. O objetivo é aproximar o contato da gestão com seus trabalhadores. Outras ações  já foram tomadas pela administração para valorizar o servidor, como a reestruturação da Divisão de Medicina do Trabalho.

Caraguatatuba

Da redação

Foto: PMC/Divulgação

Últimas Notícias