Emprego na cadeia produtiva da saúde abrange 5,1 milhões de pessoas | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte

Sistema Costa Norte de Comunicação

Logo do Jornal Costa Norte

Emprego na cadeia produtiva da saúde abrange 5,1 milhões de pessoas

Alana Gandra/Agência Brasil
01 de novembro de 2019 às 16:44

O Relatório de Emprego da Cadeia Produtiva da Saúde, divulgado hoje, 1º, pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), revela, em sua primeira edição, que os empregos formais na cadeia produtiva da saúde, englobando os setores público e privado, somaram 5,1 milhões no último mês de agosto, o que constitui uma marca inédita no país.

De acordo com o relatório, o número de postos de trabalho no setor saúde aumentou 3,4% entre agosto de 2018 e igual mês deste ano, resultando em 3,6 milhões de trabalhadores com carteira assinada na iniciativa privada e 1,5 milhão de estatutários na saúde pública. O superintendente executivo do IESS, José Cechin, destacou, em entrevista à Agência Brasil, que o setor de saúde é um bom gerador de emprego. “Enquanto a economia encolhe, o setor saúde expande”. No mesmo período, o total de postos de trabalho gerado na economia avançou 1,1%. Excluindo os empregos da saúde, o incremento registrado na economia como um todo atingiu 0,8%.

Pela primeira vez, o estudo do IESS inclui dados do setor público, tanto no nível federal, como estadual e municipal, além do setor privado, englobando toda a cadeia produtiva da saúde, que inclui médicos, empregados de hospitais, das operadoras de saúde, indústria farmacêutica, indústria de equipamentos e dispositivos, laboratórios, clínicas, entre outros segmentos. “Todos que têm a ver com saúde, diretamente prestando serviço e atendimento à saúde ou produzindo produtos e serviços que são utilizados na cadeia da saúde. É uma estimativa bastante ampla”.

Importância da saúde

Segundo Cechin, essa ideia do tamanho do emprego na saúde “evidencia a importância que o sistema de saúde tem na economia brasileira”. Informou que o setor saúde responde por 9,1% do Produto Interno Bruto (PIB, que envolve todos os bens e serviços produzidos no país) e 11,6% da força de trabalho no Brasil. “Ou seja, é um setor intensivo em mão de obra, em ocupações”.

Cechin salientou que mesmo quando o país inteiro perdeu empregos e está com 12 milhões de desempregados, e também a saúde suplementar perdeu beneficiários, o investimento na saúde permaneceu. Enfatizou que esses investimentos, ou gastos, em saúde atraem empregos em todos os seus segmentos. “Em plena crise, a saúde é um setor que tem expandido empregos e a produção”.

O diagnóstico apresentado pelo relatório comprova que o Sudeste concentra 46,8% dos empregos na cadeia produtiva da saúde, ou o equivalente a 5,4% da força de trabalho total no país. São 1,9 milhão de empregos privados, pelo regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), e mais 515,5 mil estatutários, totalizando 2,4 milhões de postos de trabalho, concentrados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. “Uma concentração bastante alta da atividade produtiva de saúde. Quase metade dos empregos da cadeia”.

Em seguida, aparece a Região Nordeste, com um milhão de empregos, sendo 563,7 mil CLT e 453,8 mil estatutários. Cechin informou que a penetração de planos de saúde no Nordeste ainda é pequena. Na Bahia e no Ceará, por exemplo, apenas 9% e 5% da população, respectivamente, têm planos de saúde, enquanto esse número alcança 37%, em São Paulo. “No Nordeste tem muito menos planos de saúde, isto é, menos atividade privada voltada para a saúde e prevalece, quase que meio a meio, o emprego público ou estatutário nos estados e prefeituras”. Já o Sul é o oposto. A região se destaca por apresentar o menor número proporcional de servidores estatutários (155,2 mil) do que celetistas com carteira assinada (651,9 mil trabalhadores).

Saldo de contratações

O relatório mostra ainda que nos 12 meses encerrados em agosto passado, o saldo de contratados na cadeia produtiva da saúde foi de 166,6 mil novos postos de trabalho. José Cechin afirmou que este dado representa 36,3% dos 458,9 mil novos empregos gerados no Brasil no mesmo período. “Mais de um terço dos postos de trabalhos gerados nesse período nasceu da cadeia produtiva da saúde pública e privada”. Esses postos de trabalho foram gerados no espaço de um ano em todas as regiões brasileiras, à exceção do Norte e do Sul, que fecharam 2,2 mil vagas públicas, cada. “Houve uma queda no (emprego) estatutário, nessas duas regiões. O emprego privado, nas duas (regiões), continuou crescendo”.

A expectativa do superintendente executivo do IESS é de aumento da ocupação formal no complexo da saúde no Brasil como um todo, até o final do ano. Ele acredita que os casos de redução serão pontuais, “não relevantes”, porque as pessoas estão cada vez mais preocupadas em ter boa saúde e em envelhecer em boas condições. “A despesa per capita (por indivíduo) com saúde vai continuar crescendo”. José Cechin avaliou que embora a recessão econômica não tenha acabado, já existe um ânimo positivo no mercado, sinalizando para uma recuperação da economia que deverá não só se manter mas, sobretudo, acelerar. “Tudo indica que tanto o emprego como o investimento em saúde estão em ascensão”.

O relatório do emprego deverá ser elaborado mensalmente pelo IESS.

Comentarios

Previsão do tempo


MÁX

MIN

Estradas

Segurança

Colunas e Blogs

Geral

Política

Esporte

Variedades

Horóscopo Cigano

Horóscopo Cigano - 8 a 15 de julho

  • COROA -8 a 15 de julho

      (20 DE ABRIL A 20 DE MAIO) Este é um período de decisões importantes onde você coloca fim a todas as dúvidas anteriores, começa a focar mais em seus objetivos e vai à luta com mais entusiasmo, pois enfim depois de uma semana de difíceis situações chegou a hora de aproveitar melhor os novos caminhos que estão surgindo. No amor a alegria toma conta do seu relacionamento deixando tudo na mais perfeita paz, os dias que se seguem serão proveitosos em todos os sentidos.

  • CANDEIAS - 8 a 15 de julho

      (21 DE MAIO A 20 DE JUNHO)  Bom momento para cuidar da sua saúde , pois o estado emocional pode ficar um pouco abalado esta semana devido a muitos assuntos pessoais, evite a rotina buscando diferentes situações que possam entreter você, é o que está faltando sim uma oportunidade para você se sentir melhor, expor seus pensamentos e até mesmo usar a sua criatividade. Infelizmente esta semana você vai estar dividido(a) entre o coração e a razão.

  • RODA - 8 a 15 de julho

     (21 DE JUNHO A 21 DE JULHO) Uma fase de luz e raciocínio, momento de buscar a paz interior acima de tudo pois você precisa fazer mudanças em sua vida mas carrega muitas dúvidas sem eu coração. Chega uma hora em que é preciso decidir , tomar uma atitude para que a sua vida ande pois ficar na mesma situação por medo de arriscar, de sair da zona de conforto é um erro que compromete a sua evolução. Você precisa de uma resposta e a semana te trará a oportunidade de tê-la.

  • SINO - 8 a 15 de julho

     (23 DE AGOSTO A 22 DE SETEMBRO) Um período de muitas batalhas pessoais, apesar de inúmeras questões o seu coração precisa de uma resposta no amor, você ainda fica com algumas dúvidas pois não é fácil decidir a sua vida diante de tudo o que está te acontecendo, e as respostas estão surgindo em questões profissionais e tudo acontece de uma vez. É hora de colocar o pensamento no lugar, buscar na paz do raciocínio a melhor resposta para o momento e tudo o que for para o seu progresso deve ter prioridade no momento.

  • MOEDAS - 8 a 15 de julho

     (23 DE SETEMBRO A 22 DE OUTUBRO) Uma fase de muitas lutas pessoais principalmente em questões amorosas pois você quer manter a paz acima de tudo e está enfrentando grandes lutas para conseguir alcançar seus objetivos. Com o passar dos dias tudo tende a ficar melhor só não se desespere diante das situações busque focar mais naquilo que realmente faça sentido para a sua vida. Em breve uma importante resposta em questão de novos aprendizados vai te trazer alegrias e entusiasmo.

  • ADAGA - 8 a 15 de julho

     (23 DE OUTUBRO A 21 DE NOVEMBRO) Chegou a hora de progredir, de ir ao encontro de novas oportunidades, de virar o jogo diante das situações enfim a semana te traz importantes respostas que fazem mais sentido para os seus caminhos. No amor os dias que se seguem serão mais tranquilos e você consegue manter a paz para os seus caminhos deixando tudo na mais perfeita ordem entre você e a pessoa amada.Algumas questões particulares podem vir a te preocupar mas com o passar dos dias tudo pode ficar bem.

  • FERRADURA - 8 a 15 de julho

    (22 DE DEZEMBRO A 20 DE JANEIRO) Fase de muita Fé e devoção, momento onde você busca a força interior em todos os sentidos, chegou a hora de refletir sobre a sua vida pessoal e ir em busca de todas as respostas para os seus caminhos. No amor uma nova resposta traz alegrias ao seu coração, você fica em paz depois de uma conversa franca e objetiva. Fase de progresso em questões profissionais e financeiras , novas oportunidades podem surgir por estes dias.

  • TAÇA - 8 a 15 de julho

      (21 DE JANEIRO A 29 DE FEVEREIRO) Dias de alegrias e muita paz, chegou o momento de refletir sobre a sua vida pessoal, manter o equilíbrio acima de tudo e viver os bons momentos fugindo de questões que só embaralharam seus bons pensamentos. No amor deixe tudo acontecer e o passar dos dias sempre trazem melhores respostas, não se desespere tente manter o mesmo pensamento de sempre, a fase começa a se tornar positiva a partir de agora, basta ter Fé e manter seus bons pensamentos.

  • CAPELA - 8 a 15 de julho

     (20 DE FEVEREIRO A 20 DE MARÇO) Momentos de fé e devoção, você se entrega às preces e busca dias melhores em seus caminhos, deixando de lado certos medos buscando na força da fé os seus melhores objetivos. Os dias que se seguem serão bem agitados porém será preciso manter a ordem, ir em busca daquilo que realmente faça mais sentido para a sua vida, deixando de lado certas questões que só atrapalham os seus pensamentos. Pense em você e nos seus projetos, afaste-se de certas pessoas que atrapalham seus bons planos.

  • PUNHAL -8 a 15 de julho

     (21 DE MARÇO A 20 DE ABRIL) Esta será uma semana de muitas certezas enfim você vai conseguir decidir de vez uma importante questão pessoal, vai colocar fim às dúvidas que tanto te atrapalhavam e segue com mais entusiasmo diante das questões profissionais. No amor devido a certos imprevistos você prefere seguir, deixar pra lá certas situações que só te aborreceram e resolve recomeçar colocando certos pontos finais em problemas anteriores buscando a paz para o relacionamento.

  • ESTRELA - 8 a 15 de julho

      (22 DE JULHO A 22 DE AGOSTO) Uma fase de luz e alegrias enfim a semana te traz a paz desejada, depois de um período de muitas lutas chegou a hora de ficar bem, ter uma trégua diante das situações acalmando assim seus pensamentos e sentimentos. A resposta ideal vem esta semana, o seu coração se alegra diante das situações e você segue com mais entusiasmo e deposita toda a confiança em seus novos projetos trabalhistas e também fica em paz com a pessoa amada.

  • MACHADO - 8 a 15 de julho

     (22 DE NOVEMBRO A 21 DE DEZEMBRO) Uma fase de luz e alegrias, de respostas favoráveis onde você consegue ficar bem, a semana promete ser de muita luz e muita paz interior, mesmo com tantos trabalhos pessoais tudo tende a acontecer de uma maneira favorável em seus caminhos. No amor depois de uma fase de muitas dúvidas as respostas começam a chegar de maneira positiva em seus caminhos, apenas deixe tudo acontecer o destino se encarrega de trazer as respostas certas pra você.