'Efeito Chile' preocupa equipe econômica brasileira | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte

Sistema Costa Norte de Comunicação

Logo do Jornal Costa Norte

'Efeito Chile' preocupa equipe econômica brasileira

Adriana Fernandes. Colaborou Daniel Weterman/Agência Estado
28 de outubro de 2019 às 15:53

Os protestos no Chile contra o governo do presidente Sebastián Piñera e as condições econômicas ruins da população mais pobre, crise que já causou pelo menos 19 mortes, deflagraram uma nova onda de ataques à agenda liberal do governo Jair Bolsonaro e do seu ministro da Economia, Paulo Guedes. Desde a explosão das manifestações, as comparações do Brasil com o Chile têm servido de mote para as críticas de que o avanço da agenda econômica de privatizações, reformas e aperto fiscal pode aprofundar a desigualdade e deixar o País na mesma situação do Chile, levando os brasileiros às ruas.

Em reação às críticas, a equipe econômica se prepara para combater o que chama de narrativa equivocada. Essa defesa é considerada importante, porque o governo está prestes a encaminhar um conjunto de novas reformas e há a preocupação agora de que essa nova agenda, pós-Previdência, não seja contaminada no Congresso pelo discurso antiliberal.

Em documento preparado pelos técnicos para reforçar a comunicação do time de Guedes, obtido pelo jornal O Estado de S. Paulo, o Ministério da Economia rebate essa associação.

"O Chile tem resultados econômicos e sociais superiores a seus pares na América Latina. Certamente existem espaços para melhorias, mas atribuir os recentes protestos sociais ocorridos no país a um mau desempenho econômico e social, comparativamente aos países latino-americanos, não é uma posição corroborada pelos dados", diz o documento.

O texto afirma que, no Brasil, várias reformas pró-mercado estão em curso, tendo como linha mestra o foco na correção de distorções econômicas e sociais e zelo cuidadoso com as contas públicas. Segundo o texto, elas serão responsáveis por garantir uma década de crescimento, com redução da pobreza e mais oportunidades.

Para a equipe de Guedes, o crescimento econômico chileno se diferenciou da maior parte dos países da América Latina nas últimas décadas, graças às medidas pró-mercado e à busca pela melhor alocação dos recursos da economia.

Como consequência, o melhor desempenho do Produto Interno Bruno (PIB) chileno não se restringiu às décadas de 1980-2000, quando ocorreram as principais reformas no país, mas perdurou nos anos mais recentes.

A média de crescimento do nível de atividade chileno nos últimos 10 anos foi de 3,1%, enquanto para o Brasil foi de 1,5% e a para América Latina, de 2%. Apesar da desaceleração observada entre 2011 e 2017, a variação do PIB chileno esteve acima da média de seus pares na região.

Chicago

A agenda liberal de Guedes é sempre associada ao Chile, porque o ministro é contemporâneo do time de jovens liberais egressos da Universidade de Chicago, que reformou a economia chilena durante a ditadura de Augusto Pinochet. A associação com o grupo do Chile começou a ser feita tão logo os primeiros nomes da equipe econômica de Bolsonaro foram definidos.

Ao jornal O Estado de S. Paulo, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o movimento liberal chileno foi construído na base de uma ditadura. "A modernização do Estado brasileiro está sendo construída dentro de uma democracia. É muito diferente."

Maia pondera, no entanto, que os avanços precisam estar atrelados à melhoria da qualidade de vida. "Não é uma agenda em que a gente impõe a um Parlamento fechado ou calado a nossa pauta que veio de Chicago", ressalta Maia, que nasceu no Chile, onde seu pai, César Maia, foi exilado durante a ditadura militar no Brasil.

O presidente da Câmara prepara o lançamento de uma pauta voltada à área social, com projetos que visam a mudanças para a redução das desigualdades. "Precisamos ter a agenda que destrava a economia e na qual possamos ter a redução da pobreza", diz.

Durante as votações do Congresso, na semana passada, muitos senadores e deputados aproveitaram para atacar a agenda liberal do governo. "A equipe econômica mandou para cá uma proposta que acabava com o BPC, que tinha como exemplo o Chile. Nós fizemos um avanço grande. O Chile não é exemplo para o Brasil", discursou Omar Aziz (PSD-AM).

Na tramitação da reforma da Previdência, a proposta do ministro de introdução do modelo de capitalização (no qual cada um poupa para sua própria aposentadoria), adotado pelos chilenos durante a ditadura, caiu justamente por causa da resistência dos congressistas, por conta da comparação com a situação atual dos aposentados mais humildes no Chile.

"Nós temos um laboratório de mais de 40 anos no Chile. É evidente que não precisamos repetir o que deu errado. O que devemos fazer? Trazer para cá o que é bom e não trazer o que é ruim", diz o secretário de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho. Ele acredita que, mais cedo ou mais tarde, a capitalização voltará ao debate. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentarios

Previsão do tempo


MÁX

MIN

Estradas

Segurança

Colunas e Blogs

Geral

Política

Esporte

Variedades

Horóscopo Cigano

Horóscopo Cigano - de 27 a 2 de junho

  • Coroa - 27 a 2 de junho

    COROA - (20 DE ABRIL A 20 DE MAIO) A semana pede mais equilíbrio nas questões financeiras, mais força  e dedicação nas questões profissionais enfim é hora de focar mais em seus objetivos, se desprender dos seus medos e encarar uma nova jornada com mais coragem arriscando um pouco mais. No amor a semana é bem tensa e será preciso manter a calma ao conversar, saber que nem sempre você tem razão e passar por cima de certas situações que possam vir a causar o término do seu relacionamento.

  • Candeias - 27 a 2 de junho

    CANDEIAS -  (21 DE MAIO A 20 DE JUNHO) Momento de recomeço, fase de paz interior enfim você busca uma nova jornada muito mais positiva, fugindo assim de situações que até a pouco tempo te atrapalhavam e muito. Você quer uma vida nova e a partir dessa semana vai mudar o que for preciso em seus caminhos, você reflete sobre tudo o que está por vir porém já tomou a decisão de arriscar, só está esperando uma resposta que durante os dias da semana com certeza aparecerá.

  • Roda - 27 a 2 de junho

    RODA - (21 DE JUNHO A 21 DE JULHO) Uma fase de luz e conhecimento, momento de recomeços e muita paz espiritual. Você se desapega de preocupações banais, vai ao encontro da evolução e quer mais equilíbrio em todos os sentidos, sente que está na hora de rever seus conceitos e desapegar de situações que na verdade só trouxeram dores de cabeça. Este é o seu momento, é hora de viver a sua vida, curtir o seu romance e se desapegar de preocupações familiares.

  • Sino - 27 a 2 de junho

    SINO - (23 DE AGOSTO A 22 DE SETEMBRO) Mude o que for preciso, mas saiba verificar cada fato, entenda que tudo o que você precisa é ser coerente diante das situações, muitas vezes você  tem razão  mas devido às explosões e falta de paciência você acaba mudando tudo e infelizmente acaba desfavorecendo a sua palavra. No amor é hora de tomar decisões sérias em seus caminhos, sair de cima do muro que tanto atrapalha a sua vida e seguir com fé e boas decisões.

  • Moedas - 27 a 2 de junho

    MOEDAS - (23 DE SETEMBRO A 22 DE OUTUBRO) A sabedoria do tempo resolve tudo inclusive as questões mais difíceis, durante a semana você terá boas respostas relacionadas a isso, e terá a certeza de que está bem perto de resolver tudo de maneira positiva. Bom momento de luz e alegrias , você se sente mais forte diante das boas decisões e se sente mais firme nas questões pessoais. No amor é questão de paciência e fé,a pessoa amada terá muitos motivos para te elogiar.

  • Adaga - 27 a 2 de junho

    ADAGA - (23 DE OUTUBRO A 21 DE NOVEMBRO)  A semana traz muito raciocínio lógico e você consegue dar a volta por cima diante de todas as questões. Chegou a hora de avaliar tudo de maneira positiva, colocar em ordem seus pensamentos e sentimentos e focar mais em seus objetivos. Momento de renovação, de fé e boas energias, fim de uma fase de indecisões, você toma a iniciativa diante dos fatos e vai ao encontro da luz desejada para os seus caminhos.

  • Ferradura - 27 a 2 de junho

    FERRADURA - (22 DE DEZEMBRO A 20 DE JANEIRO) Muitas vezes você perde grandes oportunidades pela sua teimosia, acaba deixando de lado aquilo que muito te interessa só por manhas pessoais que não te levam a lugar algum, é preciso raciocinar sobre a sua vida e suas decisões, você sempre acaba tendo certas dores de cabeça por ser tão desorganizado(a) e por não ter coragem de tomar a iniciativa. Seja forte, a semana pede isso de você, vai em frente com as suas boas decisões.

  • Taça - 27 a 2 de junho

    TAÇA - (21 DE JANEIRO A 29 DE FEVEREIRO) A semana traz ações, você vai ao encontro de respostas positivas que fazem mais sentido em sua vida, transforma os seus caminhos de maneira positiva, segue com fé e entusiasmo diante de tudo e acredita no seu potencial. No amor saiba entender os fatos e siga com fé essa nova jornada, mesmo estando com certas dúvidas o que tem de ser e o que tiver de acontecer vai acontecer não adianta tentar supor nem tomar providências sem saber ao certo no que vai dar.

  • Capela - 27 a 2 de junho

    CAPELA - (20 DE FEVEREIRO A 20 DE MARÇO) Tudo o que você precisa na verdade é saber lidar com todas as situações, mudar aquilo que tanto te incomoda de maneira positiva e buscar a paz acima de tudo mantendo assim o equilíbrio para os seus dias. Infelizmente muitas vezes você toma atitudes impensadas e comete grandes erros irreparáveis, mas sempre está disposto a mudar e corrigir os fatos, isso favorece os seus dias, te traz mais conforto diante das situações.

  • Punhal - 27 a 2 de junho

    PUNHAL - (21 DE MARÇO A 20 DE ABRIL) Fase de buscas, momento de reflexões sobre tudo enfim você quer mudar o que for preciso mas ainda não sabe por onde começar. As questões ficam mais claras pra você, mesmo não concordando com muitas a sua decisão será seguir em frente, pois o que deseja mesmo é progresso e fim de situações que não te trazem proveito algum. No amor depois de uma conversa franca tudo fica bem e se você souber manter essa energia da paz isso vai durar muito tempo.

  • Estrela - 27 a 2 de junho

    ESTRELA - (22 DE JULHO A 22 DE AGOSTO) Momento de renovação, de bons sentimentos, de pensamentos fortes e decisivos, muitas questões sendo resolvidas quer sejam familiares, trabalhistas e até mesmo amorosas, a semana traz muitas respostas pra você. Chegou a hora de focar melhor em seus objetivos, fazer a escolha certa e tomar as atitudes mais adequadas. No amor seja coerente, entenda a pessoa amada e fuja de desconfianças que só atrapalham o seu romance.

  • Machado - 27 a 2 de junho

    MACHADO - (22 DE NOVEMBRO A 21 DE DEZEMBRO) A semana oportuna, a hora da reviravolta, o momento de recomeçar enfim depois de muitos imprevistos ao seu redor chegou a resposta para muitas das suas questões porém cabe à você tomar a decisão ideal, a que te trará a verdadeira paz e também o equilíbrio necessário para os seus dias. Respostas amorosas e financeiras surgem juntas te trazendo a alegria e também fortalecendo o seu astral. Momento de muita dedicação à sua fé, isso te fortalece e muito!