Vacina contra a gripe é aplicada nas unidades de saúde de Bertioga | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Geral
Foto: Divulgação/PMB

Vacina contra a gripe é aplicada nas unidades de saúde de Bertioga

Expectativa é vacinar 17 mil pessoas que integram o público alvo na cidade


18 de abril de 2019 às 10:55
Por Da Redação
Foto: Divulgação/PMB

Foto: Divulgação/PMB

A Secretaria de Saúde de Bertioga prossegue na Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, para imunizar os públicos de risco contra a gripe. Na cidade, a meta é imunizar mais de 17 mil pessoas.

Participe dos nossos grupos ℹ https://bit.ly/2V5uzJq 🕵♂Informe-se, denuncie!


A população alvo deve procurar qualquer uma das cinco unidades de saúde para receber a dose. Os pacientes devem comparecer aos locais munidos de caderneta de vacinação e documento de identidade. A prioridade é vacinar crianças menores de seis anos de idade, gestantes e puérperas (mulheres cujo parto ocorreu em até 45 dias), idosos, trabalhadores da Saúde e da Educação, povos indígenas e pessoas com comorbidades e outras condições clínicas especiais.


Reforço

Durante a semana, a Diretoria de Vigilância em Saúde vacinou os idosos que participam das atividades de alongamento no Fundo Social de Solidariedade. Os cadastrados no Programa Melhor em Casa, que atende pacientes acamados nas residências, receberão a vacinação pela própria equipe que os visita semanalmente. Aqueles com dificuldade de locomoção devem fazer contato com a UBS mais próxima, para agendamento da imunização pela Vigilância em Saúde.


Gripe

A influenza, ou gripe, é uma infecção aguda do sistema respiratório, ocasionada pelo vírus influenza, com elevado potencial de transmissão. Inicia-se com febre, dor muscular e tosse seca. Em geral, tem evolução por período limitado de um a quatro dias, mas pode se apresentar de forma grave. A propagação ocorre facilmente e é responsável por elevadas taxas de hospitalização. Idosos, crianças, gestantes e pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, ou imunossuprimidos são mais vulneráveis aos vírus.


Dia D

No Dia D da campanha, 4 de maio, as equipes também aproveitarão para, além da gripe, vacinar gestantes contra coqueluche, tétano e difteria (vacina dTpa) e hepatite B. Também serão aplicadas doses contra sarampo em jovens. Excepcionalmente no Dia D, a Vigilância Epidemiológica (rua Jorge Ferreira, 60, Centro) também será posto de vacinação.


Onde receber a vacina

USF Boraceia – Rua Vereador Geraldo Rodrigues Montemor, s/nº, Boraceia

UBS Indaiá – Rua São Francisco do Sul, s/nº, Indaiá

UBS Maitinga – Rua Alberto Augusto de Andrade (antiga Rua 14), s/nº, Maitinga

UBS Mirosam – Rua São Gonzalo, s/nº (Vila do Bem), Chácaras

UBS Vicente Carvalho II – Rua Epiphânio Baptista, 637, Jardim Vicente de Carvalho

 

Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral