São Sebastião já tem trânsito de grandes metrópoles | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte

Sistema Costa Norte de Comunicação

São Sebastião já tem trânsito de grandes metrópoles

Reginaldo Pupo
10 de abril de 2019 às 12:05
Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul
Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul Foto: Reginaldo Pupo/JCN

Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul
Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul Foto: Reginaldo Pupo/JCN

Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul
Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul Foto: Reginaldo Pupo/JCN

Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul
Carros estacionados no Centro Histórico de São Sebastião, região onde há falta de vagas para estacionamento e onde poderá ser implantado o sistema de Zona Azul Foto: Reginaldo Pupo/JCN

O então pacato município de São Sebastião já não é o mesmo. Circular de carro pela região central e estacionar por suas estreitas ruas são exercícios que exigem muita paciência dos motoristas e faz lembrar o caótico trânsito das grandes metrópoles, como São Paulo.

 

A reportagem circulou, durante uma semana, por diversos pontos da região central, a partir do bairro São Francisco (a 6 km do Centro), onde a fluidez do trânsito começa a diminuir. Os semáforos são eleitos pelos motoristas como os “vilões” da lentidão e dos congestionamentos.

 

Há dois horários de “pico” durante a semana e nos fins de semana. No primeiro caso, a quantidade de motoristas que seguem para o trabalho no centro torna o trânsito moroso a partir do bairro São Francisco, entre as 6h45 e 9h. No retorno, o horário de “pico” é das 17h15 até as 19h45, em média.


Já nos finais de semana, o trânsito é formado geralmente por turistas que buscam as praias. Entre as 8h30 e 10h há lentidão. O trecho compreendido entre o bairro São Francisco e o Centro geralmente é percorrido em 15 minutos, mas nos feriados prolongados e temporada chega a levar entre 1h e 1h30. O horário de retorno das praias é registrado a partir das 17h.

 

No trecho percorrido pela reportagem há cinco semáforos em um trecho de apenas 350 metros. Só no bairro Porto Grande há dois. Dos cinco equipamentos, um é praticamente privativo da Transpetro/Petrobras, que somente é acionado quando algum veículo sai ou entra na empresa. E outro está em frente ao Corpo de Bombeiros, que é acionado quando os veículos de emergência precisam sair do grupamento.

 

Semáforos 

O tempo de abertura dos semáforos também é alvo de crítica dos motoristas que têm que acessar a Avenida Guarda-Mor Lobo Viana, a principal do município. Existem duas ruas que saem do Centro Histórico e Rua da Praia que direcionam o fluxo para a avenida principal com semáforos, a Armando Sales de Oliveira e a Auta Pinder. Nessas duas vias os motoristas se queixam da demora na abertura do sinal verde. Segundo eles, o verde fica aberto por apenas alguns segundos, impossibilitando que o maior número de veículos possíveis acesse a Guarda-Mor Lobo Viana.

 

“O sinal verde abriu quatro vezes e ainda estou na mesma rua, em fila dupla”, disse o representante de vendas Ricardo Albuquerque Meneses, 38, que reside em Caraguatatuba, e que estava na rua Auta Pinder tentando acessar a Guarda-Mor. “Acho que o sinal verde deveria ficar mais tempo aberto”. O problema se repete na rua Armando Sales de Oliveira.

 

A reportagem percorreu a mesma rua nesta semana. Os últimos carros, em fila dupla, estavam aguardando em frente ao Tebar Praia Clube, a cerca de 200 metros do semáforo. A reportagem somente conseguiu entrar na Guarda-Mor quase cinco minutos depois, após o sinal abrir e fechar três vezes. Havia caminhões descarregando mercadorias em um supermercado, o que agravava ainda mais o problema.

 

Estacionar é uma “loteria”, dizem motoristas 

Estacionar no centro de São Sebastião está se tornando algo tão difícil quanto ganhar na loteria, dizem os motoristas. A Rua da Praia, após as obras de revitalização, se transformou em um dos maiores estacionamentos a céu aberto da região. Mesmo assim, já está saturado. A falta de vagas obriga os motoristas a estacionar seus veículos nas estreitas ruas do Centro Histórico, nas calçadas, em frente a garagens particulares e até em locais reservados para portadores de necessidades especiais e idosos.

 

Na Rua da Praia, por exemplo, é comum encontrar carros estacionados em locais reservados a motos e até mesmo na faixa de pedestres. Os motoristas que cumprem as leis de trânsito se veem obrigados a ficar circulando até surgir uma vaga. Neste local não há horário de “pico”.

Durante todo o dia, desde as primeiras horas da manhã, a Rua da Praia é tomada por carros estacionados. Guardadores clandestinos já estão agindo no local. O problema já fez com que motoristas estacionem em cima da praça localizada em frente à sede da Secretaria de Cultura e Turismo, único local arborizado da avenida.

 

Há alguns motoristas que se valem do jeitinho brasileiro e param os veículos nos estacionamentos de bancos e supermercados. A estudante Camila Silva, 22, confessa que utiliza esses locais para deixar seu carro estacionado. “Rodei por mais de meia hora e não achei nenhum lugar para deixar o carro. Então preferi estacionar aqui no supermercado, já que não precisa pagar. Pelo menos, aparentemente, é mais seguro”.

 

O engenheiro Milton Simões Pugliesi, 44, deixou seu carro no estacionamento do Shopping Pierotti para ir aos bancos e fazer compras. Turista de Ribeirão Preto, disse que estava passando e viu a vaga. “Não pensei duas vezes e estacionei. Foi pura sorte, pois nos outros dias fiquei muito tempo procurando onde estacionar e acabei desistindo. Fui a dois bancos e ainda comprei lembrancinhas para os amigos”.


Para minimizar problema, prefeitura implanta radares e estuda criar Zona Azul

A prefeitura de São Sebastião admite que há falta de rotatividade de veículos, principalmente no centro, o que prejudica o comércio local. Muitos clientes já desistiram de suas compras por não encontrarem local para estacionar.


Para isso, a administração estuda a implantação da Zona Azul, já aprovada pelos vereadores, e que foi elaborada com base em estudos que apontam que um mesmo veículo estacionado por horas no mesmo local prejudica não só a utilização do espaço público por outros motoristas, como também traz reflexos negativos ao setor comercial.


A administração informou que há estudos em andamento que possam fomentar a criação de vagas de estacionamento. Enquanto não são concluídos, a prefeitura criou um bolsão de estacionamento na Rua da Praia, que trouxe alívio ao Centro Histórico. Informou ainda que estuda outras áreas para estender a iniciativa, como por exemplo, próximo à balsa.


Também novas vagas para veículos foram abertas ao lado do Teatro Municipal, além do estacionamento do Paço Municipal ter sido reorganizado – o que permitiu mais vagas.


Radares

Uma das medidas tomadas pela prefeitura para aliviar o trânsito e aumentar a fluidez entre o bairro São Francisco e o centro da cidade foi retirar, neste ano, todas as lombadas e implantar, no lugar, radares eletrônicos. A prefeitura disse ter realizado estudos que comprovariam que as lombadas provocavam morosidade no trânsito.


Um dos exemplos citados pela prefeitura foi o tráfego de caminhões e carretas, que para passar pelos obstáculos, são obrigados a chegar a quase zero quilômetro de velocidade. E o trecho recebe muitos desses veículos que se dirigem ao porto de São Sebastião.


Com a implantação dos radares, o trecho entre o bairro São Francisco e o centro, de seis quilômetros, ganhou seis equipamentos, ou seja, média de um radar a cada quilômetro. O limite de velocidade irá variar entre 40km/h, 50km/h ou 60km/h.


Os novos radares vão se somar aos 23 já existentes, ao longo da rodovia SP-55 (Rio-Santos), totalizando 32. Desta forma, a rodovia, no trecho de São Sebastião, terá em média um radar a cada 2,5 quilômetros.


Os novos equipamentos já estão instalados, mas a prefeitura prorrogou a data do início da operação, prevista inicialmente para a última segunda-feira, 8, por causa das chuvas que atingiram a cidade e impossibilitou o trabalho dos técnicos e as aferições do Instituto Nacional de Meteorologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).


A prefeitura informou que realizará uma campanha educativa antes do início da autuação e que a data do início de funcionamento dos aparelhos ainda será divulgada.

Continua após publicidade

Continua após publicidade

Continua após publicidade

Continua após publicidade

Previsão do tempo


MÁX

MIN

Segurança

Colunas e Blogs

Política

Esporte

Variedades

Horóscopo Cigano

Horóscopo - de 5 a 11 de dezembro

  • Coroa - de 5 a 11 de dezembro

    COROA - Fase favorável para o amor onde você se entrega mais à pessoa amada libertando-se dos seus medos anteriores. Em questões trabalhistas a semana será meio difícil porém você saberá lidar com certas situações embaraçosas, será preciso manter o foco dos seus objetivos e saber usar as palavras certas sem se entregar ao desespero e nem cair em armadilhas propositais que infelizmente alguns insistem em tentar armar para você.

  • Candeias - de 5 a 11 de dezembro

    CANDEIAS - Momento de luz e meditação, você sente a necessidade de voltar-se mais à espiritualidade, dedica-se mais à sua fé e tranquiliza o seu coração, aquele desespero desnecessário começa a se dissipar e você coloca a sua vida no lugar tanto em questões amorosas como em questões financeiras. Os dias que se seguem serão mais proveitosos enfim tudo acontece de uma maneira mais positiva em seus caminhos. Segue em frente com seus bons planos trabalhistas.

  • Roda - de 5 a 11 de dezembro

    RODA - O fim de uma fase de dúvidas, a semana será bem esclarecedora em questões profissionais, e você conseguirá resolver tudo o que está te atrapalhando de uma certa maneira. No amor o segredo é manter o equilíbrio, saber esperar o momento certo para conversar e se desprender  de tudo o que possa atrapalhar seus bons planos. Com o passar dos dias você terá a resposta ideal que enfim te trará a tranquilidade e a certeza de dias melhores.

  • Sino - de 5 a 11 de dezembro

    SINO - Momento de dúvidas em questões amorosas, você se precipitou e pode ter jogado fora uma grande oportunidade em sua vida, tente manter a calma para não complicar mais o seu ado amoroso, a semana te trará a oportunidade de corrigir os seus erros, mas será preciso saber entender os dois lados da questão. No ramo profissional a fase é de recomeço, tenha calma que em breve tudo estará bem novamente, apenas mantenha o foco dos seus objetivos.

  • Moedas - de 5 a 11 de dezembro

    MOEDAS - Dias de luz e alegrias, fase de comprometimento com o seu bem-estar físico e espiritual, chegou a hora de buscar melhores respostas para os seus dias, correr atrás de seus interesses pessoais enfim você se desgastou demais diante de questões banais agora é hora de reerguer-se, pois o tempo passa rápido demais e você tem bons projetos para colocar em ordem, só é preciso reerguer-se diante das situações, focar melhor em seus objetivos.

  • Adaga - de 5 a 11 de dezembro

    ADAGA - Momento de bons presságios onde você consegue equilibrar o seu astral, os dias que se seguem trarão resoluções financeiras favoráveis, o seu lado psicológico também apresenta uma melhora e você se desprende de preocupações que até afetaram a sua saúde, agora é hora de avaliar tudo o que está ao seu redor de uma maneira mais consciente, tomando as decisões necessárias para que a sua paz interior permaneça nesta semana que promete ser muito boa em todos os sentidos.

  • Ferradura - de 5 a 11 de dezembro

    FERRADURA - Chegou a hora de virar a página, mudar o que for preciso e seguir com mais fé e entusiasmo diante dos seus objetivos. O seu coração ainda enfrenta sérias dúvidas, você busca respostas melhores para os seus dias, retirou-se de situações que de certa forma afetavam o seu lado emocional, mas é preciso levantar- se diante das situações e enfrentar o que for preciso pois os dias passam rapidamente e você precisa conquistar o seu espaço.

  • Taça - de 5 a 11 de dezembro

    TAÇA - Muitas de suas dúvidas acabam transformando os seus caminhos, fuja de situações constrangedoras, coloque o seu pensamento no lugar e tente manter o equilíbrio diante das situações ao seu redor. Tudo pode ser diferente se você tomar a decisão certa, a sua teimosia às vezes acaba complicando os seus caminhos. Deixe o tempo agir, não tente avançar o sinal pois tudo tem o momento certo para acontecer.

  • Capela - de 5 a 11 de dezembro

    CAPELA_ Dias de mudanças em seus caminhos, momento de decisões que realmente farão a diferença em sua vida. Procure manter o foco dos seus objetivos, afaste-se de questões que só trouxeram dores de cabeça e busque a paz interior, você merece o progresso e tudo pode ficar melhor dentro de alguns dias, basta que para isso você aceite os fatos e siga esta nova estrada que o destino coloca a sua frente, pois quando a sua intuição aponta ela não costuma falhar.

  • Punhal - de 5 a 11 de dezembro

    PUNHAL - Fase de luz e respostas, momento oportuno para bom negócios e investimentos enfim você se sente mais seguro(a) diante de certas questões que antes te incomodavam e muito. Em questões familiares tudo tende a se resolver, apenas não se apegue a preocupações desnecessárias. No amor esta será uma semana bem delicada onde você terá de manter o equilíbrio para não colocar tudo a perder, pois sua paciência está nos limites.

  • Estrela - de 5 a 11 de dezembro

    ESTRELA - Bom momento para cuidar da sua saúde física e espiritual, é hora de colocar a cabeça no lugar e mudar o que for preciso, fugir de assuntos que estão te prendendo de uma certa forma e virar páginas se preciso for, pois os dias que se seguem te trarão a oportunidade ideal para mudar o rumo de sua vida, quer seja no amor ou em questões profissionais você pode virar o jogo, mas será preciso coragem para decidir e fé para seguir um novo caminho.

  • Machado - de 5 a 11 de dezembro

    MACHADO - Momento em que será preciso tomar uma importante decisão, você se deixou levar por situações nada favoráveis e agora enfrenta um grande duelo com o seu eu interior, a sua mente pede para você mudar, virar a página, mas o seu coração pede para você ter paciência pois tudo pode mudar para melhor, o mais sábio a se fazer no momento é entregar tudo ao tempo, ele sempre te trouxe a melhor resposta e com certeza a trará novamente, muito antes do que você imagina.