Organismos marinhos mudam a paisagem da praia da Enseada, em Bertioga | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Geral
Foto: Eleni Nogueira

Organismos marinhos mudam a paisagem da praia da Enseada, em Bertioga

Fenômeno natural também foi observado com a mudança da coloração das águas da praia do Sapé, em Ubatuba


14 de fevereiro de 2019 às 16:41
Por Eleni Nogueira
Foto: Eleni Nogueira

Foto: Eleni Nogueira

Foto: Eleni Nogueira

Foto: Eleni Nogueira

O aumento das temperaturas e fortes ressacas podem ser responsabilizados pelo aumento da aparição de brizoários na praia da Enseada, em Bertioga. Comum para alguns moradores, mas estranhos para turistas, estes organismos marinhos mudam a paisagem da orla e, muitas vezes, são confundidos com poluição. Mas, de acordo com a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SMA), eles não são nocivos à saúde dos banhistas. Os briozoários são organismos marinhos, parentes dos corais, que ficam fixos em rochas no fundo do oceano e que, por força de fortes ressacas, desprendem-se e vão para as praias.


Sobre o aumento da aparição em Bertioga, a SMA informou que esse é um fenômeno natural, que também foi observado com a mudança da coloração das águas da praia do Sapé, em Ubatuba, no início deste mês: “Os briozoários podem ser confundidos com as algas, também presentes no material de Bertioga. Esses organismos não trazem prejuízos aos banhistas e devem ser removidos pelas prefeituras”.


A Secretaria de Meio Ambiente de Bertioga ressaltou que na praia da Enseada, além dos brizoários, o acúmulo de sedimentos na praia também tem ligação com as fortes chuvas, que junto com os rios trazem muita matéria orgânica.


Embora não sejam nocivos à saúde, os briozoários, em grandes quantidades, se deixados na orla, causam odor forte e desagradável, além de turvarem a água do mar com sua presença, dando-lhe um aspecto de sujeira, inclusive impregnando-se na areia.

 

 

 

Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral