Olimpíada Estudantil de Guarujá será aberta pela Fofão do vôlei | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Esportes
Foto: Divulgação

Olimpíada Estudantil de Guarujá será aberta pela Fofão do vôlei

Campeã a olímpica e mundial de vôlei participará da cerimônia de abertura na terça-feira, 7, no Ginásio do Tejereba


03 de agosto de 2018 às 11:15
Por Da Redação

Mais de mil alunos da rede pública de Guarujá participarão da 1ª Olimpíada Estudantil Municipal, que será aberta na próxima terça-feira, 7, pela campeã olímpica e mundial de vôlei, Hélia Rogério, popularmente conhecida como 'Fofão'. A ação é uma das primeiras realizadas após a unificação de pastas que formou a Secretaria de Educação, Esportes e Lazer (Sedel).

A cerimônia de abertura ocorrerá no Centro Esportivo Duque de Caxias (Praça Horácio Lafer, s/nº - Jardim Tejereba), a partir das 14 horas. Na ocasião, a ex-atleta comentará a sua trajetória esportiva, além de abordar a importância da integração entre a escola e o esporte, deixando uma mensagem de incentivo aos alunos guarujaenses.

A solenidade terá ainda o desfile das unidades escolares e hinos cantados pelo coral das escolas Ivonete da Silva Câmara (Jardim Conceicãozinha), Benedito Cláudio (Jardim Santa Maria) e Lúcia Flora (Jardim Progresso). Os espectadores também assistirão a um show de habilidades e enterradas de basquete, apresentação de dança e show de embaixadinhas. Na ocasião, a Sedel ainda apresentará o mascote da Olimpíada: o dragão Mobrý – desenvolvido pela aluna Yuli Rodrigues Ikehara, do 9º ano da EM Lucimara de Jesus (Santa Rosa).

A cerimônia contará ainda com o primeiro jogo da Olimpíada Estudantil, que será na modalidade futsal masculino, pela categoria sub15, em uma partida entre as escolas Dirce Valério (Jardim Tejereba) e Francisco Figueiredo (Santa Clara).

O festival, que mobilizará 26 unidades do Ensino Fundamental I e II, subdividirá os estudantes conforme a sua respectiva faixa etária. A prefeitura informou que as atividades ocorrerão em etapas. A primeira, que se estende até 29 de agosto, é direcionada aos 850 alunos do Ensino Fundamental II, que corresponde às turmas do 6º ao 9º ano – compostas por jovens de 11 a 15 anos.

Estes disputam os jogos de basquetebol, voleibol, futsal, handebol, futebol, xadrez e tênis de mesa. Além disso, também podem participar da Modalidade Demonstrativa – onde os estudantes podem realizar apresentações esportivas e culturais. São apresentações de dança, capoeira e afins. 

Intitulada Festival Esporte-Recreativo, a segunda etapa ocorre em outubro e terá a participação dos 400 estudantes do Ensino Fundamental I.  Na oportunidade, as crianças que têm entre 8 e 10 anos poderão participar de uma série de atividades recreativas, incluindo mini-atletismo, xadrez e futebol. A iniciativa será realizada no Forte dos Andradas (Rua Horácio Guedes Barreiros, S/N – Tombo/Jardim Guaúba).

De acordo com o vice-prefeito e secretário de Educação, Esporte e Lazer de Guarujá, Renato Pietropaolo, a união das pastas amplia as possibilidades de desenvolvimento dos alunos da rede municipal. Disse ele: “O esporte também é uma forma de educar e fortalecer os potenciais das crianças e adolescentes, que vão desde habilidades físicas a psicológicas, sociais e culturais. A Olimpíada Estudantil está apoiada em três princípios humanos essenciais: alegria, cooperação e respeito às diferenças. E o objetivo da prefeitura é cada vez mais incentivar o esporte entre nossos alunos”.

A Olimpíada Estudantil é instituída em cumprimento da Lei Municipal nº 4159, resultante do projeto de lei nº 097/2014, que prevê a realização anual do evento esportivo - agregando a participação dos alunos 1º ao 9º ano do Ensino Municipal. O festival também obtém a ação Desafio Independente Lacre Alegria.

De acordo com a coordenadora de Educação Física do Ensino Fundamental, Juliana Leão, a iniciativa ocorre em prol do bem comum, da cooperação e da visão humanista do esporte. “É a alegria da união entre todas as unidades. As escolas vão arrecadar lacres de latinhas, que posteriormente serão revertidas em cadeiras de rodas. Elas serão doadas ao Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Guarujá”, ressaltou.

Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral