Garotas de Bertioga sagram-se campeãs brasileiras de karatê | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Esportes

Garotas de Bertioga sagram-se campeãs brasileiras de karatê


18 de outubro de 2017 às 11:55
Por Costa Norte
O próximo desafio é conseguir patrocínio para disputar lugares na seleção brasileira


Treinadas por Ticiano Lacerda Lima, da academia Katsuo Karatê, quatro adolescentes de Bertioga fizeram bonito no Campeonato Brasileiro de Karatê, realizado em Lauro de Freitas, na Bahia, de 11 a 15 de outubro. Elas também brilharam no Campeonato Brasileiro Escolar, disputado paralelamente.

No Brasileiro, Maria Eduarda Costa Peres, de 15 anos, foi a campeã na categoria cadete (14/15 anos) com mais de 54 kg. Catarina Costa Peres, de 12 anos, foi a campeã na categoria sub 14 (12/13 anos) com menos de 40 kg. E Ana Luísa Santos, de 12 anos, conquistou a medalha de bronze na sub 14 com menos de 45 kg.

No Brasileiro Escolar, Maria Eduarda foi campeã; Catarina foi vice; Ana Luísa ficou em terceiro lugar; e Amanda Sayuri Orikava, de 12 anos, terminou em quinto lugar na categoria sub 14 (12/13 anos) com mais de 45kg.

Maria Eduarda, Ana Luísa e Amanda começaram muito cedo. Treinam há seis anos. E Catarina treina há um ano e meio. A precocidade delas no preparo permite que se destaquem mais cedo. E com os resultados obtidos, têm chance de tentar um lugar na seleção brasileira de karatê. Para isso, precisam disputar e ter boas colocações em provas seletivas, que funcionam como uma espécie de passaporte para os campeonatos sul-americano e pan-americano de karatê.

A equipe bertioguense de karatekas contou apenas com apoio dos familiares para as competições na Bahia. A renda de convites de uma feijoada realizada com o apoio do Lions Club, que cedeu o espaço, pagou parte das passagens aéreas e da hospedagem.

Agora, o próximo desafio das atletas e do treinador é conseguir patrocínio para participar das seletivas. “Nosso plano era colocá-las no cenário nacional, onde já estão. Este foi o terceiro ano que elas conquistaram medalhas no Brasileiro. Agora temos que trabalhar para conseguir patrocinadores”, diz Ticiano.

Ana Luísa e Amanda foram vice-campeãs brasileiras em suas categorias em 2015 e campeãs em 2016. Maria Eduarda e Catarina participaram da competição pela primeira vez em 2016, terminando com medalhas de bronze.

Estela Craveiro

Foto: Divulgação

Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral