Pela emancipação de todos - Sistema Costa Norte de ComunicaçãoBertioga-Especial | Sistema Costa Norte de Comunicação
Voltar para especial bertioga

Há três anos, o povo de Bertioga saía às ruas para exercer o seu direito democrático. Defendeu então, por meio de plebiscito, o ideal de liberdade, traçando seus próprios rumos. Surgia, portanto, o maior comprometimento com as responsabilidades intrínsecas à maturidade política e social. A comunidade começa a ampliar sua participação e interferência, visando ao desenvolvimento.

Muito antes da emancipação político-administrativa de Bertioga, devem ser lembrados todos aqueles que lutaram por essa finalidade. Com o mesmo valor também estão os homens e mulheres que nasceram ou chegaram no, até então,  distrito, dedicando a maior parte de suas vidas ao trabalho.

Foto: Divulgação

Bertioga foi emancipada pela grande maioria da população (97%), que disse o Sim. Em 3 de outubro de 1992, foi realizada a eleição para a escolha de prefeito e vereadores. A comunidade apontava os seus representantes. Agora, todos esses habitantes devem continuar suas responsabilidades, acompanhando a administração de seu município, exigindo os padrões de competência e moralidade.

 Para tanto, é imprescindível descartar os vícios, lamentavelmente comuns da política brasileira. Afinal, Bertioga tem todo o potencial para implantar seu próprio modelo social. Vale ressaltar que a cidade está muito próxima de São Paulo, o maior centro produtor e consumidor da América Latina; e ainda conta com a maior riqueza, a beleza natural.

Ribas Zaidan


Veja também

Sobloco prevê novo polo turístico

Quando a Sobloco Construtora S/A, decidiu iniciar o projeto...

Bertioga-Especial

© 2018 Todos os direitos reservados ao Sistema Costa Norte Comunicação | Powered by Mundiware