O sonho de morar bem - Sistema Costa Norte de ComunicaçãoBertioga-Especial | Sistema Costa Norte de Comunicação
Voltar para especial bertioga
Foto: JCN

Em Bertioga, cidade com uma demanda habitacional para cerca de 1.500 famílias, segundo a Secretaria Municipal de Planejamento e Habitação, felizmente, já há projetos de moradia que atendem a esses princípios.Um bom exemplo vem da reurbanização do bairro Vicente de Carvalho II, um projeto modelo do CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano). Ele engloba 400 moradias (96 apartamentos  e 304 sobrados) , destinadas às famílias que residem atualmente em áreas de mangue, ou previstas para receber arruamento e rede de água ou esgoto.Outras 172 unidades serão reformadas (foto acima).O que chama a atenção, nesse caso, é o excelente trabalho de planejamento proposto para o bairro como um todo, que prevê a construção de quadras esportivas, pista de skate, ciclovia, paisagismo,acessibilidade, além de espaços destinados para construção de creche, escola e centro comunitário. Otoque de modernidade encontra-se nas redes de gás encanado e fiação elétrica e telefônica subterrâneas.Toda a área de mangue degradada será recuperada. “Nosso principal objetivo é fazer com que o bairro se integre econômica, turística e socialmente ao município de Bertioga”, ressalta Assunta Viola, gestora de projetos da CDHU.

Experiência conta

Foto: JCN

Bertioga tem mais 1878 unidades habitacionais,com valor social agregado, em construção. E, nesse caso, o construtor é de casa. Fala-se aqui do engenheiro João Senhor, da Geoteto, empresa pioneira na cidade e responsável pela construção do primeiro prédio de Bertioga, o condomínio Buritis.

Agora, em parceria com a prefeitura e a Caixa Econômica Federal, por meio do programa ‘Minha Casa Minha Vida’, a empresa investe na construção de condomínios populares, com casas assobradadas para famílias com renda de zero a 3 salários mínimos(atende a cadastro da prefeitura), e edifícios para famílias com renda de 6 a 10 salários mínimos (direto com a construtora).

Foto: JCN

No loteamento Citymar, por exemplo, serão construídos os condomínios Portal de Aquários I (528 unidades) e Aquários II (592 unidades), destinados a famílias com cadastro na prefeitura. Os projetos contam com quadras esportivas, áreas de lazer infantil, espaços cobertos para churrasqueira e cozinha, áreas verdes, e áreas públicas destinadas para a construção de creche, escola, comércio básico e centro comunitário.“Para projetos como estes, voltados à demanda popular, em primeiro lugar está o aspecto social. É preciso um planejamento adequado, voltado à realidade da cidade”, diz João Senhor.

Foto: JCN

Entre os pontos positivos desse novo modelo de parceria, segundo Daniela Mariano, chefe da Seção de Habitação da prefeitura de Bertioga, ressalte-seque a prefeitura consegue atender a demanda habitacional do município, sem fazer uso de áreas públicas.“A construtora entra com a área, onde são construídas as casas e a infraestrutura de água, esgoto, calçada,áreas verdes e de lazer. Enquanto a prefeitura disponibiliza áreas para construção de creche, escola, comércio básico e centro comunitário”, explica.

Ainda segundo Daniela, outra vantagem é o sistema de tratamento de esgoto próprio, que também irá atender ao conjunto de prédios do Citymar. “Por isso, incentivamos a empresa a investir neste bairro.A intenção já era a de levar todos os serviços para essa região afastada”.

Os condomínios do bairro Citymar estão em fase final de negociação, assim que aprovados, a Geoteto terá 12 meses para entregar. Com um prazo tão curto,o engenheiro João Senhor já pensa em uma estratégia para dinamizar as obras. “Vamos contratar mão de obra local e, de preferência, do próprio cadastro habitacional, se houver profissionais qualificados. Eles trabalham com mais carinho, pois sabem que estão construindo seu próprio lar”, frisa.

Também em parceria com a CEF, a Geoteto é responsável pela construção do condomínio Portal de Áquilas, no Rio da Praia (20 unidades); Portal de Dourados, no Parque Estoril (196 unidades); Portal de Fênix, no Rio da Praia (72 unidades / destinadas a funcionários públicos) e o Portal de Centauros, no Maitinga, (72 unidades / para funcionários públicos),os dois últimos ainda em fase de aprovação. Para mais informações sobre os empreendimentos, o telefone da Geoteto é (13) 3317 3040.      


Veja também

Respeito em todas as estações

Bertioga possui leis e regras para coibir má conduta de turi...

2019

© 2018 Todos os direitos reservados ao Sistema Costa Norte Comunicação | Powered by Mundiware