Ingressos a venda para palestra da Monja Coen em Santos | Sistema Costa Norte de Comunicação
Logo do Jornal Costa Norte
|
Baixada Santista
Foto: Divulgação

Ingressos a venda para palestra da Monja Coen em Santos

Palestra abordará temas como vida e morte, harmonia e caos, saúde física e espiritual


22 de janeiro de 2019 às 09:48
Por Da Redação

A Monja Coen estará em Santos, no dia 23 de março, para uma palestra que abordará, de modo atual e prático, temas como vida e morte, harmonia e caos, saúde física e espiritual, sofrimento e prazer, meditação, felicidade, depressão, entre outros. Os ingressos para a palestra, que ocorrerá às 19 horas, no Teatro Coliseu (rua Amador Bueno, 237), já estão à venda.


Com sua sabedoria adquirida ao longo de 45 anos em contato direto com o Zen Budismo do Japão, da tradição sotoshu, Monja Coen faz um convite à reflexão sobre como estamos conduzindo nossas vidas, trazendo ensinamentos que podem nos auxiliar a viver bem e para o bem. “Se a paz não começar em mim, não começará”, ressalta a monja.


No ano passado, seu livro O Inferno Somos Nós, escrito em parceria com o filósofo Leandro Karnal, consagrou-se um best-seller nacional, ficando entre os dez livro de não ficção mais vendidos de 2018. Outro livro que fez grande sucesso, também publicado no ano passado, foi A Monja e o Professor, este em coautoria com o professor Clóvis de Barros Filho.


Os ingressos para a palestra custam de R$ 100,00 a R$ 180,00 e podem ser adquiridos no site www.bilheteriaexpress.com.br  ou no restaurante China In Box (Rua Tolentino Filgueiras, 54, Gonzaga). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (13) 97420-3255.


História e jornada

Nascida em São Paulo, no ano de 1947, Monja Coen Roshi iniciou a prática de Zazen no Zen Center de Los Angeles, na década de 1970. Em 14 de janeiro de 1983 fez seus votos monásticos e, em outubro do mesmo ano, entrou para o Mosteiro Feminino de Nagoya, onde residiu por oito anos, tendo se graduado como monja especial (Tokuso), habilitada a ser professora do Darma Budista de monges, monjas, leigos e leigas.


Em 1995, de volta ao Brasil, houve grande solicitação por parte dos primeiros imigrantes japoneses, sediados em São Paulo, para que a Monja Coen oficiasse as celebrações e falasse, também em português, para seus netos e netas. Queriam essas pessoas que seus descendentes pudessem entender o Darma de Buda e seguir a tradição ancestral.


Em 2001, foi criada a Comunidade Zen Budista Zendo Brasil, Templo Tenzui Zenji, atualmente localizada no bairro do Pacaembu, em São Paulo. Deste então, Monja Coen já ordenou mais de trinta monásticos, entre homens e mulheres, e mais de 300 pessoas leigas. Atualmente, há grupos orientados por ela espalhados em vários estados brasileiros, e também em Montevidéu, no Uruguai, e em Zurique, na Suiça.


Neste ano, Monja Coen completa 72 anos de vida e 37 de vida monástica, dedicando-se amplamente à disseminação do conhecimento e sabedoria obtidos ao longo de sua jornada, principalmente por meio de palestras, obras literárias e vídeos que circulam pelas redes sociais.

Últimas Notícias

Os melhores do litoral

Confira algumas das melhores dicas de todo o litoral